Utilização de cookies

Para otimizar e melhorar continuamente este website, a Daimler utiliza cookies. Ao continuar a utilizar o website, concorda com a utilização de cookies.

Poderá obter mais informações nas notas sobre cookies.
Segurança no caso de acidente.
Citaro

Segurança no caso de acidente.

O autocarro faz parte dos veículos mais seguros – também no trânsito urbano. Mesmo assim, os acidentes não podem ser excluídos. 

A Mercedes-Benz assegura que as consequências do acidente sejam mitigadas ao máximo. Assim por exemplo a parede lateral reforçada do Citaro é um fator essencial para a sua elevada segurança passiva. Além disso existem no Citaro paredes divisórias, balaústres e bancos especiais que absorvem a energia no caso de um impacto ou capotamento. Uma proteção importante para os passageiros.

A resistência mecânica da carroçaria do autocarro é um fator importante para a segurança passiva do mesmo. Com a sua resistência, é possível evitar as consequências de um acidente. A elevada resistência da carroçaria dos autocarros Mercedes-Benz é garantida, entre outros, por reforços anelares de peso otimizado. A resistência mecânica é definida de acordo com o regulamento ECE-R 66/02. Esta define exatamente o "espaço de sobrevivência" que tem de ser garantido pela construção no caso de um acidente.

Debaixo do invólucro atraente do Citaro houve progressos invisíveis mas decisivos. A carroçaria continua a basear-se na tecnologia comprovada dos reforços anelares – uma das inovações do Citaro da primeira geração – mas a sua execução é ainda mais rígida, protegendo os passageiros melhor contra uma colisão lateral.

A construção de veículos seguros é o objetivo máximo dentro do conceito de segurança integral da Mercedes-Benz. Isto abrange também todas as medidas que ajudam a minimizar as consequências de um acidente. Uma parte importante do nosso trabalho é portanto também a informação sistemática das forças de intervenção. Pois o conhecimento detalhado dos nossos veículos e dos seus sistemas de segurança ajuda os socorristas a chegar rapidamente aos feridos. E assim a salvar vidas.

Caso haja um acidente, apesar de todas as precauções de segurança, é importante que quaisquer feridos possam receber primeiros socorros o mais depressa possível.

Uma vez que o condutor também pode ser lecionado num acidente, não lhe sendo possível socorrer aos seus passageiros, existe no veículo uma caixa de primeiros socorros e um extintor livremente acessíveis e bem identificadas. A caixa de primeiros socorros está colocada na área de entrada junto do condutor. Desta forma, em caso de sinistro o condutor assim como os passageiros podem socorrer rapidamente a eventuais feridos.